// outras publicações

Mikhail Bakhtin

Esta tag está associada com 1 postagens

Estética da Criação Verbal

A figura de Mikhail Bakhtin aparece hoje como uma das mais fascinantes e enigmáticas da cultura européia de meados do século XX. De fato, é possível distinguir, como o faz Todorov na introdução, vários Bakhtin: depois da crítica do formalismo vignte, o Bakhtin fenomenólogo, autor de um primeiro livro sobre a relação entre o autor e seu herói; o Bakhtin sociólogo e marxista do final dos anos vinte que aparece nos complexos Problemas da Poética de Dostoievski; o Bakhtin dos anos trinta, marcados pelo Rabelais e pelas grandes explorações culturais no campo das festas populares, do carnaval, da história do riso, e o Bakhtin “sintético” dos últimos escritos.

Os textos reunidos neste volume provêm de três momentos importantes dessa rica carreira e permitem compreendê-la melhor. Iniciam com os extratos da sua primeira grande obra, descrição fenomenológica do ato de criação.
Texto escolhido: Os gêneros do discurso.
IN: BAKHTIN, M. M. Estetica da criação verbal. 5. ed. São Paulo: WMF, 2010. 512p. ISBN 9788578272609